“Não vim para a DM9 como o Neymar, e sim, como o Tite”, revela Nizan

Líder reforçar a cultura da DM9 e anuncia a conquista da conta da CVS no Brasil

O Dia Mundial da Propaganda, celebrado nesta segunda-feira (04), foi a data escolhida pela DM9DDB para debater e discutir com seus mais de 350 parceiros, no Teatro Santander, em São Paulo, os valores e cultura do futuro da agência.

“Estamos preparando a DM9 para a construção dos valores para o futuro. A DM9 é uma empresa que tem uma cultura forte. Mesmo para o melhor vinho tem anos que são mais difíceis e a DM9 passou por momentos assim. É natural para uma empresa que vai completar 30 anos em 2019. Tem uma frase do John Hegarty que diz: ‘Toda vez que uma marca está perdida ela tem que buscar inspiração nos seus princípios’. É isso que estamos fazendo aqui neste trabalho de reorganização. Porém, olhar para os princípios do passado agora voltados para o futuro, ou seja, são coisas do passado, mas que precisam ser ressignificadas para o futuro. Não vim para a DM9 como Neymar, e sim, como Tite. Precisava reorganizar o time para que ele pudesse jogar. Tivemos um ano com uma reputação brilhante, algumas conquistas, e pulamos da 24° posição para 18° lugar no ranking das agências. Mesmo assim, sabemos que o caminho é longo”, revela o chairman do Grupo ABC, Nizan Guanaes.

Alê Oliveira

Com uma história inspiradora, Abílio Diniz, presidente do conselho da BRF, contou aos presentes um pouco dos seus mais de 50 anos de história no Grupo Pão de Açúcar e reforçou a importância de ter um propósito, uma direção e, que a cultura de uma empresa, precisa estar sempre se renovando.

Alê Oliveira

Outros grandes líderes da indústria da comunicação como Eduardo Tracanella, superintendente de marketing institucional do Banco Itaú, Erh Ray, copresidente da BETC São Paulo, Armando Ferrentini, diretor presidente da Editora Referência e Márcio Santoro e Sérgio Gordilho, copresidentes da agência Africa, debateram alguns dos diversos ciclos vividos pela DM9. Ferrentini falou sobre a visão da agência nestes quase 30 anos de atuação no país. Já os executivos, contaram suas histórias, experiências e discutiram a importância da cultura para projetar a agência do futuro.

Alê Oliveira

Mas segundo Guanaes, o trabalho de reorganização não para na DM9. “Tenho uma consultoria pela frente. Não quero estar em apenas uma empresa. Quero estar em várias e trabalhando para elas. É preciso fazer este trabalho na DM9, na Africa, na Salve e na CDN. Sei qual é o meu papel, e o projeto de cultura vai dizer às pessoas quais são os papéis delas projetados para o futuro”, finaliza Guanaes.

Ainda durante a apresentação, Guanaes revelou aos parceiros que a agência DM9 conquistou a conta da segunda maior rede de varejo do mundo, a CVS, companhia do ramo farmacêutico. A gigante americana teria comprado a Aetna, empresa de seguro saúde por US$ 69 bilhões.

Alê Oliveira

 

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações