Ogilvy se engana em material de divulgação da Bienal do Livro

Aventais entregues a jornalistas tinham frase erroneamente atribuída a Machado de Assis

Segundo nota publicada no caderno cultural durante o fim de semana na Folha de São Paulo, o material de divulgação da próxima Bienal do Livro de São Paulo - que será reaizada entre 3 e 12 de agosto - incluiu um avental, no qual foi impressa uma frase erroneamente atribuída a Machado de Assis.  A frase dizia: 

“Quem lê um livro, mal sabe como ele foi feito. Cada palavra puxa a essência do autor, cada ideia a sua vivência, cada conto sua dor, cada capítulo seu amor. A leitura de cada página nada mais é do que uma conversa sincera com o autor".

A agência Ogilvy, contratada para a comunicação do evento literário, assumiu o erro. 

Consultada a respeito, a divisão de PR & Influence da Ogilvy enviou a seguinte nota: "“O avental incluso no press kit destinado aos jornalistas que participaram da coletiva da 25 Bienal Internacional do Livro de São Paulo sugere equivocadamente que a citação que estampa a peça é de Machado de Assis. Foram produzidos apenas 50 exemplares. Os brindes distribuídos já estão sendo recolhidos. A Ogilvy é a agência responsável pela comunicação integrada da 25a Bienal Internacional do Livro de São Paulo.”

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações