Chegada à Lua completa 50 anos e segue inspirando a publicidade

Ao longo dos anos, diversas marcas vêm se utilizando deste “grande salto para a humanidade” em suas campanhas

Reprodução

A conquista do espaço foi amplamente utilizada como forma de afirmação de soberania bélica entre os Estados Unidos e a antiga União Soviética durante a Guerra Fria.

Em 1957 os soviéticos lançaram o primeiro satélite artificial na órbita terrestre, o Sputnik 1, e em 1961 levaram o primeiro homem ao espaço: Yuri Gagarin deu uma volta completa na Terra.

No entanto, o principal evento dessa corrida aconteceu em 20 de julho de 1969, há 50 anos, quando a americana Apollo 11, levando os astronautas Neil Armstrong, Edwin “Buzz” Aldrin e Michael Collins, pousou na Lua. O evento foi transmitido ao vivo pela TV americana e assistido por mais de 500 milhões de pessoas ao redor do mundo.

A imensa repercussão de tal marco permanece até hoje no imaginário popular, sendo fonte de inspiração (e conspiração) para inúmeras produções do entretenimento e, é claro, da publicidade.

Além de grande quantidade de anúncios que, na época, noticiaram e parabenizaram o feito, há ainda uma série de marcas que vêm utilizando esse “pequeno passo para o homem e grande salto para a humanidade” em suas campanhas ao longo dos anos. Outras, ainda, estão aproveitando agora as cinco décadas da chegada ao satélite como gancho para suas comunicações. Confira algumas delas:

Coca-Cola

A marca “revelou” o que havia no lado oculto da Lua em campanha de 1969 que comemorava o feito.

Chrysler

No aniversário de 10 anos da chegada do Homem à Lua, a Chrysler convocou Neil Armstrong para estrelar uma de suas campanhas.

John Lewis

Em 2015, a cadeia de lojas de departamento britânica emocionou o público com o comercial de Natal abaixo:

AACD/ Teleton

Criado pela Z+ e produzido pela Paranoid, o filme feito para a AACD para o Teleton 2013 compara a relevância do primeiro passo na Lua com o primeiro passo dado por crianças com deficiência física.

Shutterstock

Em vídeo divulgado nesta semana, a marca brinca com as teorias de que as transmissões na NASA seriam montagens mostrando seu acervo “de outro mundo”. A criação foi feita em parceria com a DiMassimo Goldstein.

Red Bull

A marca de energéticos já havia utilizado de forma bem-humorada a dúvida do público em relação à conquista em vídeo de 2006.

Samsung

A Samsung relembra o sucesso de exibições que teve a exploração americana no espaço para divulgar globalmente seu novo modelo de televisão QLED 8K. A campanha, lançada em comemoração ao marco desses 50 anos do evento, afirma: “A TV está fazendo história de novo”.

Nissan

A montadora aborda o poder que a tecnologia tem em nos mover usando o evento como exemplo. A campanha foi lançada há cerca de uma semana e criada pela agência francesa TBWA\G1.

SpaceX

O discurso do então presidente americano John F. Kennedy, realizado em 1962, sobre os projetos de enviar homens à Lua foi o ponto de partida de comercial de 2017 veiculado pela empresa americana de sistemas aeroespaciais e serviços de transporte espacial.

Adsbuyer

A agência de marketing digital Adsbuyer usou um trocadilho com o termo “moonwalk” (que pode ser traduzido como “passeio na Lua”, mas se tornou amplamente utilizado para designar o passo de dança popularizado por Michael Jackson) para divulgar seus serviços.

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações