Eventos 2018

Ficar mergulhado nos negócios do dia a dia pode ter um efeito colateral perverso

"Não tenho tempo para eventos!”. É o que ouvimos de muitos publicitários, quando perguntamos sobre sua participação em eventos. De fato, com o enxugamento de estrutura promovido horizontalmente no nosso mercado, está todo mundo muito atarefado.

Mas será que os eventos são uma perda de tempo ou menos importantes que demais atividades ou ainda dispensáveis?
Na minha opinião, os bons eventos são oportunidades insubstituíveis de se vivenciar nossa atividade. De absorver conteúdo, de trocar ideias com pares, de aumentar networking, de conhecer novas tendências ou ferramentas...

Alguém poderá dizer que consegue tudo isso, sem necessariamente estar lá, ao vivo. Afinal, o que não falta hoje é acesso a conteúdo, mesmo aquele gerado nos eventos. É verdade. Mas você consegue ter foco para acessar e absorver esse conteúdo online?

Duvido! O bom dos eventos é que, estando lá, a gente se obriga a focar nas apresentações. O distanciamento do dia a dia corrido, apesar da sensação de estar ausente do trabalho, é superproveitoso.

É nessas ocasiões que pintam os insights, que se fazem benchmarks e se ampliam os horizontes. Ficar mergulhado nos negócios do dia a dia pode ter um efeito colateral perverso de se distanciar das tendências, da inovação... É claro que há eventos e eventos.

É necessária uma criteriosa seleção antes de se optar pelos eventos que pretendemos participar. Mas o que não dá é ficar ausente. Não vale aquele “Tenho mais o que fazer...”.

Trago esse tema para este artigo porque estou exatamente no meio da seleção de eventos de 2018 para confeccionar o Datas & Eventos 2018, calendário que a Fenapro prepara anualmente, apresentando os principais eventos do ano para quem atua no setor de marketing e comunicação.

No campo internacional, temos o Cannes Lions renovado. Independentemente da sua renovação, diminuindo dois dias de festival, o evento francês é o principal do nosso setor.

É lá que vemos mais de 90 países exporem seus melhores trabalhos publicitários, além de um conteúdo que abrange os temas mais importantes do mundo da criatividade. Os mais críticos preferem eventos mais disruptivos ou aqueles com uma pegada mais tecnológica. Nada contra.

Acho que os publicitários devem, mesmo, beber em outras fontes. É inegável o avanço tecnológico no campo da comunicação e do marketing e devemos todos ficar up to date sobre. Mas o sessentão Cannes Lions cumpre também esse papel de apresentar a inovação.

Não à toa, vem crescendo ano a ano sua dedicação a mostras paralelas de trabalhos e conteúdo de Innovation e Entertainment, por exemplo. Bem, correndo em paralelo está o SXSW, que caiu no gosto dos brasileiros, que já são em maior número do que aqueles que foram a Cannes no ano passado.

A variedade de temas do evento em Austin é atraente, mas confusa. O grande risco de quem participa do evento é se perder no meio de uma programação que vai desde shows em cada esquina até mostras de pôster, passando por feira, congresso e premiações de todo o tipo. É um evento mais barato do que Cannes, tanto na inscrição como nos demais custos de deslocamento e hospedagem, mas não acho que seja um substituto natural. O ideal é estar nos dois.

Este ano, estarei presente em um evento menos conhecido, mas de um conteúdo riquíssimo no campo da criatividade: o Adobe Max, que ocorre nos EUA. Fora estes, mais famosos, há outra opções interessantes aqui por perto, como o El Ojo, por exemplo. Já o campo da tecnologia e do universo online, oferece múltiplas possibilidades.

Mas há muita coisa boa por aqui mesmo. É só ficarmos atentos aos bons eventos do IAB, da Digitalks e de outras plataformas bastante atuantes no nosso mercado. O que não dá para fazer é desdenhar de todas essas inúmeras oportunidades de atualização e conhecimento, sem falar no networking.

O Datas & Eventos, elaborado pela Fenapro, trará um calendário recheado de opções. Planeje-se e participe!

Alexis Thuller Pagliarini é superintendente da Fenapro (Federação Nacional de Agências
de Propaganda) (alexis@fenapro.org.br)

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações