Aplicativo 99 recebe investimento de US$ 200 milhões

Em janeiro, Didi Chuxing aplicou metade; outra parte chega agora com o SoftBank

A 99, aplicativo brasileiro de táxis e caronas compartilhadas,  acaba de receber um investimento da companhia de internet e telecomunicações japonesa SoftBank. O valor chega a US$ 100 milhões de dólares e está entre os investimentos iniciados em janeiro, quando o aplicativo Didi Chuxing, da China, investiu também US$ 100 milhões na 99.

Esses US$ 200 milhões representam o maior aporte feito em uma startup brasileira em uma única rodada. Com o investimento, o SoftBank se torna acionista minoritário da 99. A transação foi finalizada na última semana, depois de uma viagem de Peter Fernandez, presidente executivo da 99, à Tóquio.

O SoftBank é um dos maiores investidores em aplicativos de carona do mundo. Ele é, inclusive, um dos principais apoiadores da Didi Chuxing, que recebeu do grupo US$ 5,5 bilhões em abril. Outros aplicativos também receberam aporte, como foi o caso do Grab, na Ásia, e do Ola, na Índia. Em 2017, o SoftBank criou o maior fundo global de investimentos para startups, o Vision Fund, com mais de US$ 93 bilhões. O fundo tem participação da Apple e da Qualcomm.

"Vemos um grande crescimento e uma ótima perspectiva para o setor de soluções de mobilidade na América Latina. O time da 99 tem feito um progresso impressionante no Brasil, operando em mais de 400 cidades e realizando mudanças positivas na vida de milhões de usuários. Nós estamos comprometidos em apoiar líderes locais, como a 99, e esperamos ansiosamente para participar do sucesso deles a longo prazo”, afirma David Thevenon, diretor executivo da Softbank.

Para Peter Fernandez, CEO da 99, com todos os investimentos recebidos ao longo deste ano, a 99 tem todas as condições de atingir a meta de consolidar a liderança no mercado de transporte por aplicativos de mobilidade no Brasil e, no futuro, na América Latina. “Desde o primeiro aporte da Didi,o serviço 99POP vem crescendo muito em número de corridas semanais. Fica claro que nossa estratégia trouxe bons resultados, e agora estamos animados em ter a Softbank na nossa carteira de investidores. Isso mostra que estamos no caminho certo, como uma forte indicação da nossa posição de liderança no crescente mercado de mobilidade urbana da região”.

A 99 começou a operar em 2012 como um aplicativo de táxis, mas ampliou os serviços com o 99Pop, serviço que compete com Uber e Cabify, que também anunciou que vai investir mais de US$ 200 milhões em sua expansão no Brasil. 

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações