Alcance é o grande diferencial da TV aberta

Estudo da CBS apresentado em NY mostra que o investimento multiplataforma entrega melhores resultados

Com o tema “Mudança é o Caminho”, a conferência La Cumbre TV Abierta - Open TV Summit, que ocorre em Nova York, trouxe, na manhã desta segunda-feira (22), um panorama do mercado americano de televisão aberta, onde mudanças já são percebidas, mas em um caminho inverso ao visto até aqui: se o digital era tido como uma ameaça por conquistar uma fatia do que os anunciantes investiam em TV aberta, hoje percebe-se que o investimento volta a ser direcionado para o tradicional - exemplo do que vem acontecendo com a P&G, noticiado pelo PROPMARK. A aposta  no digital segue, mas muito mais focada em integração.

O cenário foi apresentado a partir de um estudo da CBS Vision, comanda por David Poltrack, que teve apoio de marcas como Pfizer, Unilever, Google e Facebook, entre outras. De acordo com a pesquisa, o investimento em multiplataformas entrega melhores resultados de vendas do que o investimento isolado. Ao investir em duas plataformas, por exemplo, o estudo mostra que o anunciante tem 13% de incremento no ROI.

Para Poltrack, investir somente em digital é um erro, entre outros motivos, porque o meio não tem a escala de alcance da televisão aberta. O executivo, no entanto, diz que mais importante do que o plano de mídia de uma campanha é a mensagem dela, especialmente na televisão.

Dados da Nielsen apresentados por Poltrack mostram que a presença da TV em regiões de difícil alcance é de 80%, contra 40% do digital.

 

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações