Desligamento da TV analógica em São Paulo pode ser adiado

Sinal digital já está funcionando em Rio Verde (GO) e Brasília (DF)

O desligamento do sinal analógico de TV em São Paulo estava previsto para 29 de março de 2017, mas pode ser adiado a pedido das operadoras ao ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Gilberto Kassab. É possível que a decisão seja tomada durante a próxima reunião do Gired (Grupo de Redistribuição e Digitalização de Canais de TV e RTV).

Segundo uma entrevista concedida ao jornal O Estado de S. Paulo, Kassab afirmou que pode prolongar em algumas semanas o desligamento. Ainda não se sabe se o atraso pode afetar, ou não, o desligamento em outras capitais. No calendário oficial, Goiânia teria o sinal desligado em maio; Belo Horizonte, Fortaleza, Recife e Salvador em julho; Vitória e Rio de Janeiro em outubro. Florianópolis, Curitiba e Porto Alegre devem esperar até 2018.

Em dezembro, a empresa Seja Digital, que gerencia as operadoras Vivo, Claro, TIM e Algar para coordenar a distribuição de conversores de TV digital, alegou que a entrega dos aparelhos estava atrasada.

Em 2016, o sinal digital já foi desligado em Rio Verde (GO) e em Brasília (DF). O desligamento em São Paulo representa um grande desafio, visto que são necessários três milhões de conversores. Em Brasília, por exemplo, foram necessários 350 mil. 

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações