Perspectivas 2017

Pesquisa da Abracom mostra que há otimismo para o próximo ano

Agências de comunicação corporativa acreditam que serviços como produção de conteúdo terão alta demanda

Depois de um período de economia conturbada, o mercado não vê a hora de avistar dias melhores no horizonte. A Abracom (Associação Brasileira das Agências de Comunicação) fez um levantamento junto às agências de comunicação corporativa para saber mais sobre como foi 2016 e quais são as expectativas para 2017.

A maioria das empresas ouvidas está otimista quanto ao futuro próximo. 56,5% acreditam que aumentarão o volume de negócios em 2017 e 35,5% responderam que permanecerão estáveis, enquanto 8,1% disseram que vão diminuir o volume dos negócios no próximo ano.

Entre os otimistas, 29,5% acham que o crescimento em seu negócio será de até 5%; 34,1% responderam que a recuperação deve ser entre 5% e 10% e 20,5% acham que o aumento será de 10% a 20%.

A pesquisa também levantou quais serviços terão mais demanda no ano que vem. 70% dos entrevistados responderam que a comunicação digital terá alta demanda no próximo ano. 52% responderam que a produção de conteúdo também será muito procurada. Outro serviço que se destaca é inteligência de mídia: monitoramento e análise, visto como de alta demanda por 31% das empresas.

Segundo o Monitor de Mercado 2016, realizado com 61 empresas de 11 estados brasileiros, o quadro de funcionários permaneceu estável em 46,8% das empresas. Em 29% das pesquisadas, houve contratações e, em 24,2%, o número de colaboradores encerra 2016 menor que no ano anterior. No total, as agências pesquisadas tiveram um aumento de 4% no número de vagas, em relação ao ano passado. Eram 2.107 em 2015, ante 2.184 neste ano.

A maior parte das agências ouvidas contrata com regime de CLT (46%). Em segundo lugar, ficam as que trabalham com sistema de PJ (22%).

Quanto às expectativas de fechamento do ano, as opiniões estão bem divididas. 29% acreditam que o faturamento será estável. 35,5% acham que terão queda no faturamento. Mesmo índice dos que preveem aumento no faturamento.

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações