Encontro infinito

Y&R cria campanha para tornar Crystal a cerveja dos encontros

 

 Uma garrafa de cerveja sobre uma mesa de bar. Difícil imaginar esse cenário acrescentando a ele apenas uma pessoa. Numa mesa que tem cerveja, tem conversa, assunto e opinião. Tem, sempre, o encontro de pessoas.

 

E uma cerveja como a Crystal acaba sendo, na minha opinião, a maneira ideal para o que eu costumo chamar de “molhar as palavras”. Explico: Crystal tem distribuição regionalizada e está presente em locais onde as pessoas se encontram sem a formalidade dos grandes centros como São Paulo, por exemplo.

 

Nessas regiões, os encontros começam despretensiosamente e, invariavelmente, não têm hora pra terminar. São encontros mais abertos, gregários. Para eles, não é preciso “ter o nome na lista”.

 

Crystal tem a pretensão de ser a cerveja desses encontros. Por isso, a partir de agora, estamos assinando nossas campanhas com “Crystal. A cerveja dos encontros”.

 

Os primeiros comerciais com o tema dos encontros foram realizados no fim de 2016, quando um grande caminhão-palco levou o show-surpresa da dupla Zé Neto & Cristiano para algumas praças importantes da marca.

O caminhão parava em locais de grande circulação, as pessoas se aglomeravam à sua volta e, quando menos esperavam, a lona descortinava um palco gigante feito de engradados de cerveja Crystal.

 

No palco, a dupla fez shows cujo material captado se transformou em quatro filmes regionais para a TV, além de conteúdo digital. O resultado foi incrível e a grande empatia dos artistas com o público nos fez apostar na presença deles também no filme que acaba de entrar no ar: “Encontro infinito”.  Esse comercial é literal. Trata da materialização dos encontros regados a Crystal.

 

Nele, Zé Neto & Cristiano se encontram com amigos, num bar. É o tradicional trio amigos-cerveja-violão. Porém, quando os dois começam a cantar a música criada para o filme, “… o encontro tá marcado, a Crystal já tá na mesa…”, todas as pessoas do bar começam a juntar suas mesas à deles, formando uma mesa enorme que, segundos depois, ganha as ruas, passa por dentro das casas e se estende por toda a cidade.

 

A produção ocorreu num bar em São Paulo e em Santana do Parnaíba, cidade próxima à capital paulista. Foram duas diárias longas, mais de 200 figurantes e uma decupagem minuciosa.

 

Eu estive lá, vi a mesa se formar e depois voltei para a agência. Disseram-me que ela ainda está crescendo, já passou por Jandira e chegou a Barueri.

 

Não voltei pra conferir. Mas não duvido, não.

 

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações