Stalimir Vieira

A alegria de criar

“O que valia era a atitude criativa, era não reprimir mesmo aquilo que parecesse absurdo”

Notas de Kyoto

“A impressão que fica é que, para os japoneses, o avanço tecnológico não significa renunciar às tradições”

A neura da relevância

“Transformar esse ‘intervalo’ comercial infinito em conteúdo relevante é tarefa para gente que pensa antes de fazer”