Saiba como uma startup curitibana criou um delivery de figurinhas da Copa

Empresa pega carona na febre dos álbuns da Panini e consegue mídia espontânea com a sacada

Divulgação

Nas últimas horas uma notícia inusitada ganhou bastante mídia espontânea nos veículos que abordam, de alguma maneira, o mundo dos negócios. O fato é que uma startup criada em Curitiba (PR) pelos jovens Lucas Ceschin (28), Juliano Hauer (28), Ivo Roveda (27) e Eduardo Petrelli (26) anunciou um delivery de figurinhas da Copa do Mundo.   

O serviço está disponível nas cidades de Curitiba (PR), São Paulo (SP) e Balneário Camboriú (SC). Para adquirir os álbuns e figurinhas e receber onde estiver é fácil. Basta baixar o aplicativo James Delivery, disponível nas plataformas Android e iOS, clicar na categoria “Copa” e escolher um dos pacotes disponíveis.

O que pouca gente sabe é que por trás da sacada pontual está uma startup que já está há dois anos no mercado, e que foi fundada pelos jovens brasileiros enquanto estudavam no Vale do Silício, na Califórnia (EUA). A empresa já recebeu algumas rodadas de investimento, fez seu break even (passou a dar lucro) e hoje já fatura na casa dos milhões, segundo seus sócios (valor exato não revelado).

No total, já são 750 entregadores cadastrados no aplicativo, e que realizam o serviço de moto, carro ou bicicleta. Outro fator interessante é que 50% desses prestadores de serviço são estudantes universitários. “Somos um delivery de tudo. Compramos qualquer coisa, de qualquer lugar e entregamos em minutos. Fazemos supermercados, farmácias e qualquer coisa que o cliente queira comprar. Já fizemos as entregas mais malucas, como preservativos e viagras, por exemplo. Agora, com a Copa, vimos que tínhamos uma demanda grandes para a compra de figurinhas e muita gente sem tempo de ir até as bancas”, afirmou Lucas Ceschin, um dos sócios da startup.

A venda dos cromos da Copa, além de gerar demanda, se mostrou uma oportunidade interessante para fazer PR e tornar a plataforma mais conhecida em outras regiões do país. O nome do negócio foi inspirado no “James”, da eterna brincadeira do mordomo que realiza as mais imprescindíveis tarefas.

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações