More Grls debate desigualdades do mercado publicitário em evento

Encontro reuniu cerca de 300 pessoas e contou com patrocínio da WMcCann e Artplan

Mariana Barbosa

Como publicado pelo PROPMARK na última semana, aconteceu na noite desta segunda-feira, 10, o evento “Furando a Bolha”, que comemorou um ano de vida do More Grls, instituto sem fins lucrativos e plataforma de talentos criativos femininos.

O formato do encontro foi seu grande diferencial. Ao invés de um palco com palestra ou debate, foram realizadas rodadas simultâneas que permitiam que o público participasse tanto quanto os especialistas convidados. Os eixos temáticos foram: Meritocracia e privilégio, liderança feminina, carga mental e maternidade, negros na criação e papel dos homens. “Para discutir sobre assuntos difíceis, que “furam a bolha”, a gente precisa sair do formato que pressupõe uma pessoa especialista que entende sobre algo, e o público muitos degraus abaixo como uma pessoa que não entende. Ao nos colocarmos no lugar de uma pessoa, entendemos o que ela está sentindo. É por isso que esse formato fez muito sentido pra gente”, comenta Camila Moletta, designer, especialista em branding e co-fundadora do More Grls.

“Nosso primeiro ano foi de awareness. Agora que estabelecemos o problema, é a hora de começarmos a resolvê-lo”, explica Laura Florence, diretora executiva de criação da Havas Health & You e co-fundadora do More Grls. Dessa forma, os cerca de 300 participantes trocaram experiências profissionais e pessoais em um ambiente que emocionou os presentes ao incentivar, independente do assunto, a empatia. “Percebemos que não dá pra ficarmos apenas no ecossistema da criação, precisamos olhar para todo o nosso mercado”, completa.

O evento aconteceu no espaço Nubank, apoiador do evento junto ao Spotify e Altos Eventos. WMcCann e Artplan foram patrocinadores. “A gente não imaginava que haveria esse suporte, mas quando você consegue se conectar com pessoas, elas apoiam a sua causa, e foi isso o que aconteceu com a gente. Marcas são compostas por pessoas, e as que nos apoiaram foi porque tinha alguém lá dentro que gosta de nossa iniciativa, sabe a diferença que ela já fez para o mercado de comunicação e querem estar com a gente. O More Grls nasceu no dia zero com um propósito, e fica muito mais fácil você conseguir apoio quando se tem um propósito”, acredita Camila.

O valor arrecadado com a venda dos ingressos será destinado à plataforma 2.0 do More Grls, que pretende incluir a área de áudio visual na ferramenta, melhorar a usabilidade da busca e oferecer versões em espanhol e inglês para expansão para América Latina, Europa e EUA.

*O propmark não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Receba nossa newsletter

editora referência

O PROPMARK é uma publicação da Editora Referência.
Conheça também nossas outras marcas, prêmios e eventos.

Prêmios e Eventos

Publicações